Celular estava sem senha e código de bloqueio, segundo o irmão 

Um esquecimento causou a morte de um adolescente em Fortaleza, no Ceará. Antônio Albuquerque Ambrósio de Almeida Alves, não resistiu ao descobrir que tinha esquecido o celular na casa de namorada, enfartou e morreu.

Segundo o irmão, o celular estava sem senha e sem código de bloqueio, e por isso o jovem não resistiu ao descobrir que havia deixado o aparelho na casa da namorada, na noite em que esteve na casa dela. “Foi fulminante”, disse o irmão.

Procurando pela nossa reportagem, a namorada de Antônio não quis gravar entrevista, nem demonstrou tristeza pela perda. Pelo contrário, bastante furiosa ela chegou a dizer que se o Antônio não tivesse morrido no infarto, ela mesma o mataria. 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome