in ,

Bianca Rinaldi se converteu durante novela bíblica: “É importante estar com Deus”

A atriz Bianca Rinaldi, conhecida no Brasil por várias novelas como “A Escrava Isaura”, “Pícara Sonhadora” e “José do Egito”, contou em uma entrevista ao pastor Mauricio Fragale sobre sua conversão. Ela ressalta que ela teve fé em Deus desde sua infância, mas agora ela entende melhor o evangelho. “Eu sempre estive presente em Deus na minha vida, cresci no catolicismo e lembro muito que minha mãe me disse para ir à missa”. Eu fui, ela não foi comigo, mas quando cheguei à igreja, dormi. Mas dormir não era só porque estava cansado, mas não entendi o que o padre disse que não poderia interferir, eu deveria ter cerca de dez anos “, disse ele.

“Eu lembro que no primeiro culto que eu vim na Nova, eu disse:” caramba, eu já entendi tudo. “Era uma vida na qual eu tinha passado, mas não entendi que Deus, Jesus, o Espírito Santo, nossa comunhão com Ele, todos juntos, não há nada distante, é meu Pai, é aqui “Deus.

Durante a entrevista, o Pastor Maurício pediu a Fragale que publicasse um video quando Bianca tinha 15 anos. Durante sua visita ao programa Xuxa, ela disse como Paquita: “Aqueles que acreditam ter fé, e eu acredito, e tenho muita confiança, eu sempre sigo meus sonhos com grande fé”. uma crença genérica como “eu tenho fé em mim mesmo no meu trabalho” ou “eu acredito nesse poder do universo”. Eles falaram sobre uma fé real “, disse ele.

Bianca responde: “Sou de uma família muito modesta, meu pai adotivo morreu quando tinha 11 anos, então minha mãe sempre deu sua vida para mim e minha irmã, ela trabalhou 12/36, era uma empregada, minha irmã era pequena , Vi seu dia para dar o melhor para nós, morava em uma rua que não era muito legal, consegui algo mais velho e me assustou “, disse Bianca.

“Lembro-me de um dia que você tem que me levar para ajudar minha mãe”. Eu falei com tanta crença que eu segurei isso, falei e descansei inconscientemente, mas eu acreditava que Deus melhoraria um dia minha vida, e então o inesperado aconteceu porque eu não queria ser Paquita, Paquitas tem rosto, eu tenho não cantado, dancei todos os truques “, comentou.

“Esta convicção de que não estava ciente da importância de quão bom era ser com Deus, com Jesus, não sabia, mas sabia que só podia contar com ele José, do Egito, e fiz a rainha, não acreditei em Deus, mas nos deuses, mas Raquel, nosso conhecido sempre me falou disso “, disse ela, enquanto fazia a igreja evangélica.

“Com ela, sempre falamos sobre Jesus quanto eu queria estar mais perto e entender”. É uma hora que está aqui em você, e então eu disse: “Eu vou lá um dia”. Naquele dia choveu, houve uma tempestade, Rachel me ligou e disse que não podia ir, eu me obriguei a vir sozinho, estava com vergonha de andar sozinho, não sabia como era e foi maravilhoso “. ,

Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Loading…

Comentários

Comentários