Um propósito com Deus deve ser feito apenas por devoção ou gratidão a Deus. Não serve como uma forma de negociar com Deus. Antes de fazer um propósito com Deus, analise bem suas intenções.

Na prática, fazer um propósito com Deus é a mesma coisa que fazer uma promessa. Você se compromete a fazer algo. A Bíblia avisa que isso não é brincadeira. É melhor não prometer do que prometer e não cumprir (Eclesiastes 5:4-5). Tome cuidado ao fazer um propósito com Deus.

Essa é a primeira pergunta que você deve fazer: por que quero fazer esse propósito com Deus?

Você poderá fazer um propósito para se dedicar mais a Deus ou às coisas de Deus. O tempo do propósito servirá então para você se aproximar mais de Deus e aprofundar seu relacionamento com Ele. Um propósito desses também pode ajudar a ouvir melhor a voz de Deus. Um exemplo é o propósito de fazer um jejum.

Depois de analisar por que você quer fazer o propósito, você precisa pensar no que você vai fazer. Essa é outra coisa com que você precisa tomar muito cuidado. Deus não quer que você se machuque ou faça mal a outra pessoa.

Analise sua situação e decida se sua ideia é possível e segura. Não prometa fazer algo que está fora de seu alcance, como doar mais dinheiro do que você tem ou fazer um jejum mais prolongado do que seu corpo aguenta. Faça um propósito que você sabe que consegue cumprir.

Decida como você vai fazer seu propósito com Deus e cumpra! Mas, se você descobrir que seu propósito não é bom ou sentir de Deus que não deve continuar, pare. Não faça algo que vai lhe prejudica.[Vida Sentimental]

Para você que tem um problema sentimental, mande mensagem no WhatsApp para o Terapeuta da Vida Sentimental Apostolo Palhuca 11 9 9778-5980

Ou compareça no endereço:  Avenida Celso Garcia 1515 – Brás – SP – Brás – São Paulo

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome