“Fui escorraçada, muito humilhada”, diz Perlla sobre saída da música gospel

“Fui escorraçada, muito humilhada”, diz Perlla sobre saída da música gospel

25 novembro, 2017 0 Por Jovens Cristãos

Depois de ser criticada por um pastor da igreja evangélica que ela participou, a cantora Perlla soltou o verbo em uma entrevista com Danilo Gentili que será exibida na sexta-feira (24), no SBT.

No início dos anos 2000, Perlla foi muito bem sucedida cantando funk, mas abandonou sua carreira porque se converteu e começou a cantar música gospel. Anos depois, ela decidiu voltar ao palco.

“Você ser uma igreja vai muito além do templo”, disse a cantora. “Hoje eu estou na Evangelho Pleno. No início, fui da Assembléia de Deus. e lá fui abatida, muito humilhada e escorraçada por muito tempo ferido [pela igreja, quando ela começou a cantar funk]”.

Para a funkeira, a igreja era hipócrita. “Foi muito hipócrita [as igrejas] para me cumprimentar porque eu era uma funkeira [quando eu larguei o funk para cantar o evangelho] e agora diz” não “porque voltei [para o funk]”.

A confusão começou quando ela foi convidada por uma rádio para cantar o pagode do evangelho. “Chegando lá, eu também cantei músicas românticas. Depois de cantar eu fui para casa e recebi uma chamada na igreja. Esse pastor enviou sua secretária para me ligar e reprogramar a data [de um show que eu faria naquela igreja]. Então ele foi às redes sociais para escrachar-me dizendo que não iria pisar aquele altar sagrado dele “, lamentou.

“Onde quer que eu esteja, vou fazer música, seja no forró, no pagode ou na macumba. Não será a religião que me definirá musicalmente. Comecei com esta coisa de pop do funk. Anitta sempre me enviou uma mensagem, ela sempre me acompanhou. Ela passou pelo que eu fiz e voei. Eu tinha parado e havia uma lacuna no mercado. Foi quando todos começaram a aparecer e estouraram “, disse ele.

(UOL)

Leave your vote

0 points
Upvote Downvote

Total votes: 0

Upvotes: 0

Upvotes percentage: 0.000000%

Downvotes: 0

Downvotes percentage: 0.000000%

Comentários

Comentários